7 Dicas Incríveis Para Fazer Seu Filho Guardar os Brinquedos

Brincar é natural da criança. Elas criam, inventam, se divertem e para isso, costumam querer todos os brinquedos por perto. Retiram um por um e num instante a bagunça está por todo canto.

O problema se instala quando chega a hora de guardar. A criança, exausta, resiste e não quer saber dessa tarefa de arrumação.  

Chega o estresse e um imenso desgaste nas relações familiares.

Já viveu essa situação? Não é fácil lidar com brinquedos pela casa, filho chorando e um imenso cansaço.

Depois de brincar, a criança se sente cansada. À noite costuma ser ainda mais difícil para ela. Depois de um dia inteiro ou meio período na escola, ela precisa de tempo para descansar. E a possibilidade de ter que, depois da brincadeira, voltar tudo para o lugar, pode tirar a criança “do sério”.

O melhor a fazer é agir por antecipação e cuidar para que a brincadeira em seja um momento de aprender, mas também momentos de divertir e ser feliz.

seu-filho-guardar-brinquedos

Você pode fazer isso de maneira simples , veja:

1- Organize os brinquedos: coloque em caixas e nomeie cada uma (pode ser com etiquetas).  Mesmo que seu filho ainda não saiba ler, essa organização facilita muito na hora de guardar.

2- Disponibilize uma caixa de cada vez: brinquedos demais podem deixar a criança desmotivada, com dificuldade para escolher aquele com o qual ela quer brincar.

3- Troque as caixas: troque a caixa por outra, uma vez por semana ou de 15 em 15 dias. Esse revezamento evita que a criança se desinteresse pelos brinquedos. Gera expectativa e curiosidade.

4- Observe o acesso: a caixa deve ficar em um local de fácil acesso para seu filho. Isso possibilita que ele faça escolhas e desenvolva a independência.

5- Combine com seu filho: depois de brincar, tem que guardar no lugar. Fale com seu filho sobre a importância de deixar o lugar em que estamos organizado. Isso é regra e não combinado.

6- Avise seu filho: quando chegar o momento de encerrar a brincadeira,  avise seu filho com antecedência. Pode ser dois minutinhos,  para que ele possa se organizar.

7- Seja criativo: invente maneiras diferentes para guardar os brinquedos. Isso vai render boas risadas e muita diversão. Lembre-se de tomar a iniciativa, pois o seu exemplo faz toda a diferença.

  • Comece a guardar e convide seu filho cantando. A música acalma a criança e atrai sua atenção. Pode ser uma música inventada, no ritmo que você quiser, por exemplo: Quem me ajuda, quem me ajuda a guardar os brinquedos…”
  • Proponha uma competição: vamos ver quem guarda tudo primeiro? Vamos ver quem guarda mais rápido?
  • Para guardar pequenos blocos como lego, proponha fazer um “barrigão”: junte o maior número de peças possíveis, coloque na blusa (altura da cintura) e leve até a caixa.

Os brinquedos fazem parte da brincadeira infantil. A criança aprende a cuidar deles e organizá-los de maneira surpreendente. É preciso ensinar. Vamos lá?!?!

Os comentários foram encerrados, mas trackbacks e pingbacks estão abertos.